Barça envia recurso para escalar Neymar no clássico após reunião no Tribunal

0
8

Após ter o recurso pela suspensão da punição a Neymar negado pelo Comitê de Apelação da Federação Espanhola de Futebol, o Barcelona enviou nesta sexta-feira sua última cartada para ter o jogador no clássico contra o Real Madrid, neste domingo, no Santiago Bernabéu. O clube publicou um comunicado em seu site oficial informando sobre o próximo passo a ser tomado. Levou o caso para o Tribunal Administrativo do Esporte, que alegou não ter recebido qualquer pedido dos catalães em sua reunião do dia, confirmando a ausência do brasileiro na partida. Porém, o recurso chegou após a reunião, algo feito de forma intencional pelos culés, revela o diário “El Mundo Deportivo”.

Neymar foi suspenso por três jogos devido à expulsão na derrota por 2 a 0 do Barcelona sobre o Málaga pelo Campeonato Espanhol. Pegou um jogo de suspensão por conta do cartão vermelho, e mais dois por aplaudir o árbitro ao deixar o gramado. Além disso, terá de pagar uma multa de 700 euros (cerca de R$ 2,3 mil), e o Barcelona, uma de 600 euros (R$ 2 mil).

Em Madri, os principais jornais apontam como certa a ausência de Neymar contra o Real Madrid no Santiago Bernabéu. Porém, na Catalunha há outra corrente que aponta uma “tática” do Barcelona para tentar que vingue o recurso no Tribunal Administrativo do Esporte, que tem reuniões somente sexta-feira.

O presidente do Tribunal Administrativo do Esporte, Enrique Arnaldo, confirmou no fim da manhã desta sexta-feira que não recebeu qualquer recurso do Barcelona, e também deixou claro que não há a possibilidade de uma reunião extra para discutir o caso.

– Não chegou nenhum recurso, e terminamos a reunião. Ninguém pediu medida cautelar – decretou Enrique Arnaldo ao jornal “AS”.

De acordo com o “El Mundo Deportivo”, o Barça perdeu o prazo para a reunião da entidade, mas não para enviar o recurso. O que aconteceu ainda nesta sexta-feira. Nesse caso, os catalães trabalham com a ideia de como só terá outra reunião no Tribunal na próxima semana, e que não acontecerá outra de urgência, a punição pode ser suspensa de forma cautelar e Neymar jogará o clássico.

A publicação aponta que o Barcelona quer apresentar uma contradição entre o código disciplinar da Federação Espanhola e o artigo 90 da lei 39/2015. O que consta no código é que as punições são imediatas, enquanto para a lei as punições não podem ser executadas antes de uma solução de via administrativa. Ao enviar o recurso após a reunião do Tribunal com estes argumentos, e sabendo que o mesmo não resolveria o caso depois da reunião, Neymar estaria livre para jogar neste domingo. Nesse caso, a via administrativa estaria em aberto, e a punição suspensa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here